Rio de Janeiro

Paraty, RJ, é o primeiro destino brasileiro a implementar o Passaporte Verde

Quase 100 anos de esquecimento e isolamento foram responsáveis pela conservação da beleza histórica e cultural de Paraty.

Casarões do período colonial dão charme às ruelas da cidade, algumas das quais veículos não circulam. Cercando essa bela arquitetura, temos ainda cerca de 300 praias, 65 ilhas e uma faixa de Mata Atlântica com cachoeiras e outras preciosidades.

Sucesso entre intelectuais e turistas do mundo todo, candidata ao título de Patrimônio da Humanidade da Unesco, Paraty agora vai se tornar um modelo de destino turístico sustentável mundialmente conhecido.Continue a ler »Paraty, RJ, é o primeiro destino brasileiro a implementar o Passaporte Verde

Ilha Grande, no RJ, é 30ª em ranking de preservação

Mais uma vez se percebe que os destinos turísticos que NÃO possuem grandes empreendimentos hoteleiros são mais preservados. Será que não é um alerta para os grandes empresários perceberem que “devagar se vai ao longe?”

Vejam nesta matéria da BBC sobre a pesquisa da revista National Geographic Traveller.

Continue a ler »Ilha Grande, no RJ, é 30ª em ranking de preservação

Neste hotel em Visconde de Mauá, reduzir, reaproveitar e reciclar são palavras de ordem

Em nossas andanças pelo projeto Turismo Responsável tivemos a oportunidade de encontrar alguns poucos profissionais de turismo que tem iniciativa e encontram soluções simples e barata para contribuir com a sustentabilidade de sua região, e sempre divulgamos essas iniciativas.

Foi lendo uma matéria no O Eco que descobri a Dna. Norma Bühler, do hotel Bühler – em Visconde de Mauá – onde ainda não tivemos a oportunidade de ir, mas já está na lista. Vejam como ela resolve o problema do lixo e até acaba influenciando o comportamento dos hóspedes. Isso não é ótimo? Continue a ler »Neste hotel em Visconde de Mauá, reduzir, reaproveitar e reciclar são palavras de ordem